Prefeito de Soledade assina autorização para início da construção de passagem molhada, poço e barragem no Distrito de Bonsucesso

A Prefeitura de Soledade, através de um convênio com Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), acaba de garantir o ir e vir da população do Distrito de Bonsucesso e entorno. Isto porque o prefeito Geraldo Moura assinou, na tarde desta terça-feira (28), a autorização da ordem de serviço no valor de R$ 343.008,22 para a construção da passagem molhada na localidade. Além da passagem molhada, a autorização também inclui a construção de uma barragem subterrânea e um poço amazonas.

Segundo o prefeito Geraldo Moura, a obra significa muito para a população, visto que, em períodos chuvosos, a locomoção fica bem comprometida. “Essa é uma passagem molhada, cujos recursos estavam quase que completamente perdidos e nós conseguimos resgatar com a ajuda do deputado Aguinaldo Ribeiro. Essa é uma obra de muita importância para aquela comunidade já que tem um rio que corta o Distrito e, em período de chuva forte, a estrada que dá acesso à comunidade fica intransitável. Estamos assinando a ordem de serviço, o dinheiro já está na conta e em pouco tempo iniciaremos as obras”, disse o prefeito. A empresa responsável pelas obras será a JNA Construções e Comércio Ltda.

De acordo com o Secretário Adjunto de Obras e Trânsito da Prefeitura de Soledade, o engenheiro civil Gustavo Luiz, o projeto da passagem molhada é, na verdade, um conjunto de três equipamentos: uma passagem molhada com mais de 120 metros de comprimento, uma barragem subterrânea e um poço amazonas. Ele explicou que em períodos chuvosos o Distrito sofre com a falta de acesso e, com a seca, sofre com a falta de armazenamento de água.

“No período de seca temos a escassez de água. Nossa região é caracterizada por poucas chuvas em um período curto e altas temperaturas, o que provoca elevados índices de evaporação da água armazenada em períodos chuvosos. Sendo assim, a barragem subterrânea proporciona o armazenamento de água de forma que vamos conseguir armazenar os índices de sua evaporação e poço amazonas garantirá o acesso a essa água armazenada na barragem”, detalhou o secretário adjunto.

Além da população local, que se manifestou favorável a obra, estavam acompanhando o prefeito, os vereadores Júlio César Garcia, Janiel Santos e Neto Policarpo, os secretários, Claudia Andrade, do Meio Ambiente, Fabio Matias: da Administração, Adeilson ( Dicinho ), da Agricultura e Andréa Berto, da Educação.

COMPARTILHAR