Vigilância Ambiental intensifica ações contra doenças em áreas da zona rural do município

 

A Prefeitura Municipal de Soledade, através da Secretaria de Saúde e da Vigilância Ambiental, realizou durante todo o mês de agosto o trabalho de campo no diagnóstico da Leishmaniose Visceral.
As equipes intensificaram as visitas em determinadas áreas da zona rural do município.
“As larvas do mosquito-palha se criam em locais sombrios, com vegetação e acúmulo de matéria orgânica em decomposição, como nas situações de acúmulo de folhas e frutos caídos, além de fezes de animais. A população deve promover a limpeza rotineira de seu quintal e a poda regular das árvores.” Ressaltou Raissa Borges, agente de Vigilância Ambiental.
Qualquer dúvida podem entrar em contato com a Vigilância Ambiental.
Texto: Raissa Borges
COMPARTILHAR